Flamenco transforma vida depois dos 40

“Eu me encontrei”, diz Ana Paula Sabella, gerente comercial, de Campinas (SP-Brasil), sobre iniciar a prática de dança flamenca após os 40 anos de idade. Depois de uma separação e com o filho crescido, ela finalmente encontrou tempo para fazer as aulas de dança que desejava tanto. O aumento da autoestima e os benefícios de fazer uma atividade física regularmente transformaram a vida dela, hoje com 46 anos.

E você, o que sonha em realizar? Conte nos comentários!

  • Esse vídeo inaugura oficialmente o Canal do Embarque40Mais no YouTube. Siga!

Crédito foto: Regina Rocha Pitta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: