O que fazer durante conexão em Lisboa

Comprou uma passagem aérea para a Europa com conexão em Lisboa? A partir de 8 horas ou um stopover de uma noite já é possível conhecer alguns encantos da capital portuguesa. E não são poucos! Tanto que é um dos destinos preferidos dos brasileiros e foi eleita “melhor cidade destino” em 2018 pelo World Travel Awards.

Pensando nisso, decidi contribuir um pouquinho com sugestões para roteiros curtos, com base nas minhas experiências de mais de um mês em Lisboa. Espero que te ajudem a definir o que fazer para aproveitar seu tempo livre na cidade.

Então, começo com oito horas de conexão em Lisboa porque penso que é o mínimo necessário para compensar uma saída do aeroporto. Considerando o tempo de desembarque-embarque e passagem pela imigração (aproximadamente 2 horas, 1h na chegada e 1h na saída); e do transporte entre o aeroporto e os locais a visitar (de 48 minutos a 2h15, ida e volta), restariam de 4 a 5 horas para um passeio. Mas o que fazer em tão pouco tempo?

Roteiro no Parque das Nações para conexão em Lisboa de 8h

Conexão em Lisboa. Caminho com bancos, pessoas, teleférico, lago e prédios ao fundo
Alguns dos principais pontos turísticos do Parque das Nações, como Oceanário, Teleférico, Torre e Ponte Vasco da Gama

Dá para fazer muita coisa, viu! Para conexão em Lisboa de 8 a 10 horas, uma ótima opção é visitar a região do Parque das Nações, que fica a apenas 24 minutos do aeroporto de metrô. É a cara da Lisboa moderna e cosmopolita, com ruas e avenidas largas, arranha céus. Tem um belo parque à beira do Rio Tejo e algumas das principais atrações da cidade, como o Oceanário e o Pavilhão do Conhecimento- Ciência Viva.

Em minhas andanças por Lisboa, o GoogleMaps ajudou muito. Por isso, compartilho neste post os links para os mapas dos percursos mencionados, a exemplo desse no parágrafo anterior. Agora, para poder usufruir dessa ou outra tecnologia de GPS, precisa ter uma boa internet no celular.

  • Minha dica é adquirir um chip da EasySim4U, que você recebe em casa antes da viagem e já chega ao destino conectado!

Creio que sejam necessárias ao menos 2 horas para visitar o Oceanário, mais uns 30 minutos entre fila para comprar ingressos, entrada e saída. Lembrando que há opção de comprar ingressos antecipadamente via Internet para este e a maioria dos locais turísticos da cidade.

Oceanário, Teleférico e Parque do Tejo

Para o Ciência Viva, mais umas duas horas, mas acho que essa visita só vale se sua conexão em Lisboa for de pelo menos 10 horas e você for mesmo fã de Ciência ou estiver com criança ou adolescente. É que é uma atração bem mais pedagógica que turística. Então, se optar somente pelo Oceanário, minha sugestão é aproveitar o tempo restante passeando à beira do Rio Tejo.

Saindo do Oceanário, no tempo que resta (1h30 a 2h30) pode embarcar no Teleférico do Parque das Nações até a Torre Vasco da Gama e caminhar pelo Parque do Tejo. Se for final de tarde, ainda poderá conferir um belo por de Sol com seus raios a refletir na Ponte Vasco da Gama. Depois, é só voltar de Teleférico e caminhar até a Estação Oriente para tomar o metrô de volta ao aeroporto. E observe a bela arquitetura da Estação, obra do espanhol Santiago Calatrava.

  • Você pode conferir todos os detalhes das atrações mencionadas aqui, com minhas experiências e informações de horários, endereços e preços, em post sobre o Parque das Nações em Lisboa.

Roteiro no Centro Histórico para conexão em Lisboa de 10 a 12h

Escala em Lisboa. Praça do Comércio
Praça do Comércio, em Lisboa, vista do mirante do Arco da Rua Augusta

Para conexões em Lisboa de 10 a 12 horas, é possível aproveitar bem as 6 a 8 horas livres visitando alguns lugares históricos da cidade. Minha principal sugestão é o Castelo de São Jorge, construção do período islâmico com uma das mais belas vistas da cidade (2 a 3 horas). A segunda é o Arco da Rua Augusta (1 hora), monumento de onde melhor vê-se a Praça do Comércio, palco dos principais acontecimentos históricos da cidade, e o Rio Tejo até a outra margem, onde está o Santuário Nacional de Cristo Rei.

Do Centro Histórico de Lisboa (região da Baixa-Chiado), o trajeto até o Castelo de São Jorge não deve passar de meia hora. Já, se for direto do aeroporto, pode fazer o percurso com transporte público em aproximadamente 1h30.

Quer auxílio profissional para planejar sua viagem? Pode contar com os serviços da agência Embarque40Mais Viagens, que oferece uma consultoria personalizada. Desde a escolha do destino, passando pelas reservas de hospedagem, passagens aéreas e passeios, até a elaboração de um roteiro exclusivo! Contatos: [email protected] ou (19) 988.380.781.

Visitando Belém durante conexão em Lisboa de 10 a 12 horas

Padrão dos Descobrimentos, Belém- Lisboa
Breve descanso, com Padrão dos Descobrimentos ao fundo

Outra opção para uma conexão em Lisboa de 10 a 12h é esticar até a Freguesia de Belém, onde está a sede do governo Português, o Mosteiro dos Jerônimos e alguns dos principais monumentos da cidade: a Torre de Belém e o Padrão dos Descobrimentos.

Ah, sem contar os deliciosos e autênticos pasteizinhos de Belém, o melhor e mais tradicional doce da cidade. A fábrica original fica em Belém.

Acredito que em 6 horas seja possível visitar esses dois monumentos e ainda provar os pastéis de Belém, desde que não seja final de semana ou alta temporada, quando as filas podem assustar. É tudo pertinho, dá para fazer os trajetos a pé tranquilamente.

Stopover de uma noite em Lisboa: Praça do Comércio e Sintra

conexão em Lisboa. Centro de Sintra
Centro Histórico da Vila de Sintra, Portugal

Agora, se você vai fazer um stpover de uma noite em Lisboa, tendo um dia inteirinho livre (12 a 14 horas), visitar a Vila de Sintra pode ser compensador. Um roteiro especialmente indicado para fãs de castelos e parques carregados de história e mistérios. Mas acho que só deve ir durante a semana, pois aos finais de semana as filas podem comprometer seu tempo.

Minha sugestão é ir ao Arco da Rua Augusta e passar pela Praça do Comércio, o que não deve levar mais de 1 hora. Ir a Lisboa e não ver isso seria como se não tivesse ido.. Rs. De lá, pegue o trem com destino a Sintra (percurso de aproximadamente 1h).

Visitando o Palácio da Pena em Sintra

Conexão em Lisboa. Palácio da Pena, em Sintra
Palácio da Pena, em Sintra, que foi casa de campo da família Real portuguesa

Em Sintra, terá de escolher até dois locais para visitar. Entre as opções, destaco o Palácio da Pena, antiga casa de campo da família Real portuguesa. De lá, tem-se a mais bela vista da Serra de Sintra (Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO), e do Oceano Atlântico. O Palácio, preservado e todo mobiliado, nos permite conhecer e sentir como era viver lá àquela época.

Outro local belíssimo em Sintra é o Parque e Palácio de Monserrate, um dos pontos turísticos mais românticos e misteriosos da região de Lisboa. Acesse o post linkado acima e saiba o motivo. Mas os mistérios de Sintra não param por aí. Outro local muito interessante é a Quinta da Regalera, que tem um belo parque, grutas e construções incríveis, como um poço gigante e passagens subterrâneas.

Também tem as ruínas do Castelo dos Mouros, o Palácio Nacional de Sintra e o Centro Histórico, com museus, cafés e restaurantes deliciosos, mas nesse tempo livre acredito que seja possível visitar apenas dois dos lugares turísticos mencionados nesse roteiro e fazer um lanche ou almoço rápido. Depois, é só embarcar direto de volta ao aeroporto de Lisboa (1h30). É um roteiro meio corrido, mas levará na bagagem muita história para contar!

Mais dicas para aproveitar sua conexão em Lisboa

Durante conexão em Lisboa, uma boa opção é visitar o Castelo de São Jorge
No Castelo de São Jorge, em Lisboa, com vista da cidade atrás
  • O post sobre mirantes que visitei em Portugal tem informações detalhadas da maioria dos locais mencionados aqui, como horários, endereços e preços de ingressos.
  • Para te ajudar a se locomover durante sua conexão em Lisboa, sugiro consultar minhas dicas de transporte na região, com experiências e outras opções além do transporte público.
  • Lembre-se de levar na bagagem de mão, à bordo do avião, o que for precisar durante sua conexão em Lisboa!
  • Se quiser deixar a bagagem de mão no aeroporto, pode contar com o serviço de depósito de bagagem, que varia de 3,36 Euros (10 kg) a 9,87 (mais de 30 kg). * Preços consultados em 15/03/2019. Mais informações: (+351- 218.413.594).

E aí, esse post foi útil para você? Conte nos comentários! Sua opinião ajuda a melhorar nosso trabalho. Se gostou, compartilhe com amigos e siga-nos por e-mail e nas redes sociais (links abaixo). Obrigado!

17 Comments

  1. Muito bom ! Sempre bom ter dicas do que fazer em conexões e Lisboa é coisa linda. E acho que um roteiro assim bem rapidinho já dá um gosto para uma próxima viagem.

  2. Boas dicas. Embora pequenas ligações não sejam muito tempo, dá para ver muitas coisas mesmo,. Basta organização e muita vontade de explorar e aproveitar o dia. Lisboa merece mais do que uma conexão.

  3. Excelentes dicas, ajuda muito quem está indo pela primeira vez e tem horas de conexão em Lisboa. Minha filha faz mestrado na Alemanha e quando ela vem nos visitar no Brasil e o retorno para a Alemanha é via Lisboa, ela normalmente tem esses períodos longos de conexão. Ela faz exatamente isso que vc relatou no post. Sempre dá uma fugida para algum cantinho lindo da cidade e Lisboa tem tantos! Parabéns pelo post! <3
    Abs.

  4. Lisboa é um destino maravilhoso! Que saudades de viajar para Portugal, sempre. Só de pensar nas comidas…

  5. conhecia lisboa rapidinho também e fui ate Belém, era o bairro que mais queria conhecer e também passei no centro. fiquei com saudades pois gostaria de ter aproveitado mais!

  6. Analuiza Carvalho

    20 de março de 2019 at 15:41

    Lisboa é aquela cidade que tem muito para ver, não?! A primeira vez que pisei os pés na capital portuguesa foi durante uma conexão a caminho da Itália, creio. Foram 9 horas, mais ou menos. Almoçamos num restaurante familiar, uma comida deliciosa, inesquecível e ali eu me apaixonei por Portugal e desejei voltar, o que aconteceu anos depois.

    Depois do almoço nós fomos descansar num hostel perto do aeroporto. Eu já fiz muito isso de perambular pelas cidades em conexão, chegando exausta no meu destino final, objeto da viagem. Cheguei em Moscou a esquecer de fazer câmbio e não ter com que pagar a cafeteria por falta de dinheiro de tão cansada que eu estava depois de caminhar o dia inteiro por Madri. Hoje já não tenho este afã de “aproveitar todas as horas”. Busco qualidade naquilo que faço! Uma amiga me disse que isso é resultado direto de uma coisa chamada velhice! rsrsrsr Não tenho a menor dúvida! ehehe

    Entretanto, contudo, como muita gente tem este perfil acho que você deixa aqui ótimas e variadas sugestões do que fazer em Lisboa numa conexão que podem agradar a gregos e troianos! Quem tiver uma conexão longa por lá poderá aproveitar muito bem seguindo suas dicas. bj

    • Rs.. velhice, não, Luiza, mais experiência, sabedoria e um pouco menos de energia, às vezes, para aguentar uma rotina de viagem que pode ser bem cansativa, sim. Muito obrigado! A intenção é dar opções, que podem ser adapatadas conforme o estilo e pique de cada um. Bjs

  7. Filipe Morato Gomes

    20 de março de 2019 at 07:43

    Gostei das dicas, mas tenho uma sugestão aos seus leitores: com 24 horas apenas, não creio que valha a pena ir a Sintra. Há muita coisa em Lisboa para ver, incluindo as referidas regiões do Parque das Nações, Baixa e Belém. Abraço e boas viagens.

    • Oi Felipe! Agradeço a sugestão. Concordo que há muita coisa para fazer em Lisboa, mas como amei Sintra e é tão pertinho, acrescentei essa opção. Assim, creio que cada um pode aproveitar as sugestões e montar seu roteirinho como preferir. Abraço!

  8. Excelente sugestões de roteiros! Afinal oq todo viajante quer é aproveitar cada segundo da viagem e esse negócio de ficar parado e dentro do aeroporto não rola mesmo rsrs… Eu passei dois dias em Lisboa e consegui conhecer muita coisa, só não rolou de entrar no oceanário, do qual me arrependo até hoje.

    • Isso, Mayte! Com certeza, tem que aproveitar as horas livres das conexões, essa é a ideia. Ah, o Oceanário é mesmo um ótimo passeio, é considerado um dos melhores da Europa. Vá da próxima vez! Bjs

  9. Dicas preciosas para nós viajantes que amamos uma conexão longa, dá para aproveitar muito mesmo. Fiz um Stopover de 3 dias em Lisboa e deu para conhecer tudo que nós queríamos e muito mais. Valeu muito a pena. Recomendo!

Adoraríamos saber sua opinião!

© 2019 Embarque40Mais

Theme by Anders NorénUp ↑

%d blogueiros gostam disto: